Ryan Murphy fala sobre o episódio em tributo a Cory Monteith

Que foi difícil de gravar o episódio “The Quarterback“, isso não há dúvidas, e Ryan Murphy deixa isso ainda mais claro. O criador da série contou durante uma exibição privada para a imprensa de sua outra série, American Horror Story, como foi escrever, gravar e editar o episódio em tributo a Cory Monteith que irá ao ar na próxima quinta-feira (10).

Tradução: Bruna Kubik | Equipe Gleek BR

Está quase na hora de dizer adeus a Finn Hudson para sempre, e o co-criador de Glee, Ryan Murphy, diz que embora o processo de escrita, filmagem e edição do episódio em tributo a Cory Monteith, “The Quarterack“, foi “incrívelmente difícil”, o resultado final foi “lindo”.

Em uma exibição privada para a imprensa da série da FXAmerican Horror Story: Coven“, Murphy falou sobre a pressão que o elenco de Glee encarou por ser empurrado para a fama tão rapidamente, Monteith inclusive, mas disse que o elenco estava inteiro lá para dizer adeus a ele na tela, mesmo que eles não estivessem necessariamente inclusos no episódio.

Murphy também soltou que “o que veremos no episódio é o que realmente aconteceu”…

“Eu travei [o episódio] hoje – foi incrivelmente difícil de trabalhar nele,” Murphy disse. “Foi muito difícil de gravar. Quero dizer, a coisa interessante sobre essa série é que esses atores e os criadores realmente, de verdade amavam Cory. O episódio é chamado “The Quarterback”, e você sabe que o Cory realmente era isso, para aquele grupo de pessoas e para mim particularmente. Não havia ninguém naquela equipe que não gostasse de Cory. Tem sido uma série muito interessante, em termos de relacionamentos – é difícil de fazer uma série sobre pessoas jovens.

“Aquele grupo de crianças particularmente passou pela publicidade e de tornaram famosos mundialmente em uma idade muito difícil, e muitos deles realmente lutaram com isso. E Cory, obviamente, lutou muito com isso, mas nunca na superfície, e acho que é por isso que todos amavam ele. Ele era o mais gentil, mais generoso, nunca dizia uma palavra ruim sobre alguém.

(mais…)

Coisas que mais nos lembraremos de Cory Monteith

Na próxima semana, 10, irá ao ar o episódio mais doloroso e triste da 5º temporada de Glee. O tributo a Cory Monteith e seu personagem, Finn Hudson, promete ser emocionante e lindo, honrando a memória desse querido ator e personagem que nos deixou tão cedo. Além de Cory e seu personagem, do que mais sentiremos saudades referente a ele?

Tradução: Carol Soares | Equipe Gleek BR

Glee dá adeus a Cory Monteith, que faleceu em 13 de julho de 2013 — e a seu personagem, Finn Hudson — com um episódio de tributo que tem estado fortemente vigiado e também esperado por corações pesados. “Está maravilhosamente feito,” diz Jacob Artist (Jake) do episódio, que traz de volta vários membros veteranos do elenco por conta da morte de Finn. “Todos se juntando por Finn e por Cory é a melhor maneira de curar.” Aqui está o que mais nos lembraremos do jovem homem, que foi tirado de nós muito cedo.

Ele estava bem em ser um pateta. Com mais de 1,80 de altura, o cara que atendia por @frankenteen no Twitter possuía sua estranheza no episódio, da 2ª temporada, centrado em “Born This Way” de Lady Gaga usando uma camiseta com a escrição “Can’t Dance” (Não Consigo Dançar).

Ele tinha alcance. Monteith levava as cenas cômicas de Glee como um profissional, mas ele arrasava no drama também. Apenas assista a procura de Finn por espiritualidade no episódio “Grilled Cheesus”, da 2ª temporada, ou o “Preggers”, da 1ª temporada, no qual ele conta ao Sr. Schuester (Matthew Morrison) que Quinn (Dianna Agron) está grávida. Ninguém chorava como um homem de uma forma melhor.

Uma palavra: Finchel. Desde o começo, a química de Monteith com Lea Michele nos cativou. Com a voz dela e a adorabilidade de cachorrinho dele, Rachel e Finn eram os graduandos do McKinely High mais propensos a conseguir. E quando o par divulgou o romance fora das telas, nós amamos o par da vida real também.

Ele tinha um bom coração. Quer fosse em um evento de fãs ou durante uma entrevista, Monteith irradiava uma ‘amigabilidade’ que não pode ser fingida. Na noite de sua morte, a internet estava inundada de Gleeks e jornalistas prestando-lhe homenagens.

Ele se importava com Finn tanto quanto nós. “Eu amo interpretá-lo como um personagem envolvente,” ele disse em sua última entrevista à “TV Guide Magazine”. “Quanto mais eu puder desenhar no fato de que ele era uma criança, mas não é mais — tem tanto com o que trabalhar.” Mesmo que seu trabalho não tenha sido terminado, Monteith nunca será esquecido.

Fonte: FYeahGleeClub

Entrevista exclusiva com Kevin McHale

No dia 26 de setembro ocorreu o lançamento do box da 4º temporada e do box especial da 1º a 4º temporada de Glee, nós anunciamos aqui no site que haveria um evento com muitos jogos e brindes. Em comemoração ao lançamento dos novos DVDs da série, trazemos agora para vocês uma entrevista exclusiva com Kevin McHale (feita pela Fox-Sony Home Entertainment), na qual ele fala sobre seu personagem, Artie, e os planos para o futuro do mesmo.

Tradução: Dimitri, Hemerson, Warley | Equipe Gleek BR
Não reproduza sem os devidos créditos!

Quando você relembra a primeira temporada de Glee, parecia que daria tão certo?

Não, não mesmo. Não sabíamos como seria a recepção do público. Gravamos 13 episódios sem nenhum deles ir ao ar e ficamos pensando ‘Ah, as pessoas vão ver isto em algum momento e vão gostar, aí a gente vai continuar fazendo a série’. Eu fiquei tranquilo com o fato de não poder influenciar esse lado das coisas. Só o que eu posso fazer é chegar, fazer o meu trabalho e esperar que as pessoas gostem, e, felizmente, elas gostam. E aqui estamos nós depois de todo esse tempo.

Tem muita gente nova na quarta temporada. Os novos membros do elenco foram recebidos com alegria pelo rebanho?

[Risos] Colocando assim, fica parecendo até com Game of Thrones! Mas nós ficamos muito felizes em receber os novos membros do elenco. Bem que eu gostaria de poder dizer que eles foram difíceis e não tinham talento, mas é exatamente o contrário. Todos eles foram super legais e esforçados; eles trabalharam sem reclamar e deram tudo de si.

Você acha que ter partes da série se passando em Nova Iorque deu um gás em Glee?

Acho, acho sim. A gente queria ver como as cenas de Nova Iorque iriam funcionar e todo mundo ficou muito animado com isso. Eu acho que deu brilhantemente certo e meio que deu uma vida nova ao programa. A gente não tinha, necessariamente, que ler as cenas de Nova Iorque quando o roteiro era liberado e quem estava envolvido nessas cenas não tinha, necessariamente, que ler sobre o que iria se passar no McKinley High, afinal nós somos fãs também – a gente não queria ler nada antecipadamente e estragar a surpresa de ver o resultado na tela. Então era bem divertido para nós. Mesmo assim, uma coisa que era chata de verdade é que nós não ficávamos juntos o tempo todo como nos outros três anos. Era estranho, mas a gente conseguia se ver de passagem.

Foi difícil para você, como ator, se ajustar a essas mudanças?

(mais…)

Na noite de ontem (03) a atriz Naya Rivera compareceu a festa da revista Latina, em que foi capa recentemente. A Latina Magazine’s “Hollywood Hot List” Party aconteceu no Redbury Hotel em Hollywood. Veja a seguir as imagens:


Confira todas as imagens deste álbum
Fonte: Naya-Rivera.Com

Após exibir ontem (03) nos EUA o episódio 5.02 – Tina In The Sky With Diamonds , a FOX liberou várias stills novas do episódio. As imagens mostram os alunos do McKinley High no baile de formatura. Veja a seguir:

tumblr_mu4vflKwJg1rojy6eo1_1280 tumblr_mu4vmkJFZo1r4ezfzo1_1280 tumblr_mu4vflKwJg1rojy6eo2_1280

Clique aqui para conferir todas as novas stills!

Fonte: Fuck Yeah, Glee Club

Confira a seguir a performance completa de “Something“, cantada por Sam no episódio 5.02 – Tina In The Sky With Diamonds.

Confira a seguir a performance completa de “Get Back“, cantada por Rachel e Kurt no episódio 5.02 – Tina In The Sky With Diamonds.

Confira a seguir a performance completa de “Hey Jude“, cantada pelo New Directions no episódio 5.02 – Tina In The Sky With Diamonds.

Confira a seguir a performance completa de “Here Comes The Sun“, cantada por Dani e Santana no episódio 5.02 – Tina In The Sky With Diamonds.

Confiram a seguir a performance de “Let It Be“, cantada por Rachel, Santana e o New Directions no episódio 5.02 – Tina In The Sky With Diamonds.

Página 122 de 436« Primeira...102030...120121122123124...130140150...Última »


Get Adobe Flash player